O tempo para que um imóvel desocupado encontre um inquilino depende de diversas variáveis, sendo a principal delas encontrar o imóvel que case com todas as necessidades e desejos do novo morador.

No início do ano aumenta a procura de pessoas interessadas em alugar. E como o número de imóveis ofertados está maior do que em anos anteriores, é preciso que os proprietários adotem alguns cuidados visando fechar o negócio mais rapidamente.

Listamos 6 dicas para que os proprietários consigam locar seus imóveis com mais rapidez:

1. Sua oferta deve estar com preço compatível com o padrão do imóvel e com as demais ofertas da região. A imobiliária pode e deve ajudar a avaliar o imóvel.

2. Deixe seu imóvel bem apresentável. A Lei do Inquilinato obriga os proprietários a deixar casas e apartamentos em condições de habitabilidade. Além disso, há muita oferta no mercado de imóveis, e os pretendentes estão cada vez mais exigentes. Portanto é importante manter boa aparência para atrair candidatos a inquilinos. “A primeira impressão é a que fica" e, por isso, é importante manter o imóvel sempre limpo e apresentável.

3. O proprietário precisa se preocupar com a manutenção e conservação do bem. “Pintura mal conservada, instalações elétricas ou hidráulicas com problemas, pisos soltos ou azulejos quebrados acarretam demora para conseguir inquilinos. É ruim passar ao inquilino a sensação de que há reformas a serem feitas.

4. A manutenção deve ser contínua para evitar uma despesa grande de uma única vez, mas se o proprietário não preferir, às vezes é possível negociar com o inquilino, propondo um desconto equivalente às despesas com os consertos, para que ele providencie as obras necessárias.

5. Os meses de janeiro, fevereiro e março costumam ser os mais quentes para o mercado de locação. O momento para ofertar o imóvel, portanto, é agora.

6. Sempre que receber uma proposta por parte de um potencial inquilino, esteja aberto a negociações, principalmente com relação ao valor do aluguel solicitado. Seja flexível também em relação à modalidade de garantia a ser adotada.

Neste momento há muitos imóveis vagos para locação no mercado e, por isso, os candidatos a inquilinos andam bastante seletivos. O ideal, portanto, é manter o imóvel a ser alugado sempre em boas condições e ter flexibilidade na hora de negociar.